1. Infográfico

Pode-se dizer que o nosso trabalho de parto foi longo. Foram muitas pesquisas, muito brainstorming, consultas e anotações no meu caderninho, período onde tive apoio de muitos amigos, membros da equipe e pessoas que acreditaram em nós desde o começo. Agradeço a todos que tiveram paciência de me escutar repetidas vezes nesse período, obrigada! Eu recebi de um amigo, Matheus (Obrigada, amigo!), a sugestão de utilizar a origem grega do nome Política (Politiké), de cuja pronúncia eu retirei a inspiração para o nosso nome.

Os significados do nosso nome: Sendo a Grécia o berço da democracia, o nome Politiquê? faz jus a um de nossos valores, que é prezar pelos valores democráticos que começaram na Pólis grega. Além disso, Politiquê? também tem relação com o francês politique, que historicamente foi considerada a língua oficial da diplomacia, especialmente até o século passado (século XX). Essa segunda característica remete ao nosso valor de respeito à diversidade, prezando pelas relações diplomáticas e o debate saudável entre cidadãos.

Por fim, o nome remete ao trocadilho entre política e o quê?, expressando a nossa missão de oferecer educação política e responder aos diversos “o quê?” que pairam como dúvidas em relação ao universo da política e da cidadania.   

Lançamos nossa fanpage no facebook

Fizemos o nosso primeiro post, anunciando o começo de um sonho: transformar a sociedade através da educação.

arte fanpage
Imagem: nossa primeira arte da Fanpage :)

3. Primeira Oficina

 

 

 

Participamos do ENEEJ 2013, um encontro de empresas juniores onde aplicamos a oficina “Transposição”, e recebemos feedbacks muito positivos do nosso trabalho.

4. Ação Votar

 

 

Levamos alunos de uma escola pública, menores de 18 anos e maiores de 16, para tirarem o título de eleitor, como parte da nossa ação de conscientização sobre a importância do voto. Contamos com o apoio do TRE – PE e com a Regional Sul da Secretaria de Educação, e com a participação dos alunos voluntários da escola EREM Olinto Victor.

5. Sonho Política

A convite da BOX1824, participamos do grupo de pesquisa qualitativa sobre o tema, aplicada em Recife. Também participei, como representante do Politiquê?, de uma entrevista sobre o nosso trabalho e nossa história. O resultado da pesquisa está disponível para download aqui.

6. Ação nas Escolas

Desenvolvemos a metodologia da Ação nas Escolas, e ao longo de um período de cerca de dois meses, testamos o nosso modelo para coletar feedbacks dos alunos e realizar as adaptações necessárias.

7. Meta Crowfunding

Com o apoio do Benfeitoria e de 102 benfeitores, conseguimos arrecadar os recursos financeiros para realização da Ação Politiquê? nas Escolas! Foi uma grande vitória (:

benfeitoria
Imagem: a página do nosso crowdfunding.

Obrigada a todos os envolvidos, especialmente nossos familiares e amigos, que nos apoiaram imensamente nesse momento. Cada contribuição fez a diferença. Obrigada!

Também agradeço aos que nos conheceram através das redes sociais, e que de todo o Brasil enviaram o seu apoio e nos ajudaram a iniciar nosso trabalho em campo com os recursos necessários. Muito obrigada!

Ps.: Quero pedir licença para agradecer especialmente aos meus pais Fátima e Porcino e namorado Germano, e também familiares pelo apoio. Obrigada, amo vocês!

8. Ação Escolas

Tivemos o início do workshop de treinamento dos nossos embaixadores, que foram selecionados para levar a nossa ação para os alunos das escolas públicas. Foi desde então que percebemos como o nosso sonho era compartilhado por outros jovens, e a real dimensão da importância do nosso trabalho. Uma experiência energizante e inspiradora!

9.-Participação-TV

Fomos convidados pela Globo Nordeste para falar um pouco sobre o tema, no Globo Comunidade que foi ao ar no dia 04/01/2016. A reportagem está disponível aqui: bloco 1, bloco 2 e bloco 3.

10.-Reportagem-Nacional

As notícias do nosso trabalho ressoaram o Brasil, até que recebemos o convite de participar de uma edição especial da revista Época sobre os movimentos de 2013. Foi uma honra sermos selecionados entre tantas iniciativas para representar uma geração de jovens que tem tomado para si a responsabilidade de transformar a sociedade fazendo a sua parte. Você pode ler aqui.

foto noticia epoca
Imagem: página da reportagem. Foto: Léo Caldas.

11.-Entrevista-TV-Projeto

A convite do programa No Balaio, da TV Pernambuco, eu contei um pouco sobre o nosso trabalho, nossa história e nossos desafios. Você pode assistir ao programa aqui: bloco 1, bloco 2 e bloco 3.

12.-Projeto-Bel-Pesce-Ajudanca

Essa foi uma conquista também muito suada. Contamos sobre ela em um post dedicado aos nossos agradecimentos, já que foi através dessa experiência que o nosso site se tornou possível leia aqui. Agradeço mais uma vez à Bel Pesce pela oportunidade e à empresa W7 pela exemplar atitude de desenvolver nosso site gratuitamente.

13.-Artigo-publicado

A convite dos idealizadores da publicação Konrad Adenauer sobre Educação Política, escrevemos um artigo compartilhado nossos resultados e experiência com as iniciativas realizadas nas escolas. Nossos agradecimentos ao professor Humberto Dantas, que tem nos apoiado desde que tomou conhecimento do nosso trabalho, e quem nos convidou para participar desse projeto encantador. Você pode ver a publicação aqui

14.-Lançamos-nosso-site

Finalmente, temos nosso espaço para contar pra você sobre nosso trabalho, compartilhar conteúdo e experiências. Esperamos muito tempo por isso.

Em nome de toda a equipe, convido você a fazer parte da nossa história junto com a gente. Você é nosso convidado nessa jornada, para interagir com a gente, acompanhar nosso trabalho e levar nossa missão ainda mais longe! Contamos com o seu apoio!

Vamos juntos? 😀

Com carinho,

Camilla.

COMPARTILHAR
Artigo anteriorGratidão: não chegamos aqui sozinhos
Próximo artigoQue tal falarmos sobre: IMPEACHMENT?
Camilla Borges
Sou alagoana com muito orgulho, mas moro em Recife há 9 anos. Administradora pela UFPE e Internacionalista pela Estácio, aqui encontrei terreno fértil para crescer como profissional. Sempre fui meio sonhadora, por isso eu amava filmes da Disney e cresci lendo Harry Potter. Convivi com pessoas de diferentes histórias e classes sociais, isso despertou em mim a empatia de buscar entender o outro. Sobre o universo da política, aprendi com meus pais desde pequena e consolidei nas graduações. Na minha história, as pessoas me escolhiam como líder, o que muito me ensinou. Chegou uma hora em que o chamado de fazer a diferença falou muito alto. Foi uma questão de tempo para que o Politiquê? se apresentasse a mim como uma missão. Logo, ele se tornou um compromisso de transformação social que assumi com a sociedade e tenho levado adiante junto com outros sonhadores.

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA